Artigos de News

publicado em 23/04/2019

Observatore.org - Observatório de Gestão de Fraude (OGF) Central de Compartilhamento de Informações Contra Crimes Digitais

Outros Artigos

08

MAI

publicado 08/05/2019
Café da manhã terá participação de Fernando Meneguin, Diretor do Departamento de Proteção e Defesa do Consumidor

30

ABR

publicado 30/04/2019
Iniciativa do Observatório de Gestão de Fraude explica de maneira didática quais são, como identificar e como prevenir os principais golpes aplicados no varejo online

OGF nasceu de uma iniciativa do comitê Antifraude e Gestão de Riscos, da Câmara Brasileira de Comércio Eletrônico (camara-e.net). As empresas associadas aos comitês de Meios de Pagamento e Varejo Online sentiram a necessidade de criar uma espécie de alerta conjunto para fraudes.

Segundo o Mapa da Fraude 2018, da ClearSale, “a cada 33 compras online efetuadas no eCommerce brasileiro, 01 tem origem fraudulenta”, ou seja, mais do que nunca, precisamos combater o crime digital!

Na verdade, "o crime digital está organizado; e os bandidos se organizam ao planejar, executar e disseminar a fraude online... as empresas, porém, fazem um trabalho solo na detecção, defesa e prevenção", diz Gerson Rolim, diretor de comunicação da camara-e.net, coordenador do OGF e CIO da Observatore, empresa responsável pelo desenvolvimento e suporte da plataforma.

"Precisávamos unir esforços no combate aos criminosos e compartilhar conhecimento dentro do comitê Antifraude e Gestão de Riscos, mas como fazer isso se cada empresa tem regras que impedem a troca de informação?".

Como responder aos seguintes questionamentos e barreiras conceituais?

  • Por que e Como colaborar com meus concorrentes e fornecedores (eCommerce, prestadores de serviços de pagamento e fornecedores de ferramentas de prevenção de fraudes) para lutar contra um inimigo comum, o fraudador?
  • Como fazê-lo em um ambiente tecnologicamente confiável?
  • Como motivar os concorrentes a compartilhar informações sem se preocupar em ser benéficos uns com os outros?
  • Como fazê-lo sendo totalmente compatível com GDPR, LGPD e PCI?

A solução para o problema veio na forma de uma plataforma que funciona como um hub de combate coletivo à fraude nas transações eletrônicas. Estruturado sobre Blockchain, o OGF permite a troca anônima de informações entre as empresas participantes da iniciativa sem ferir as regras de compliance de cada uma, nem tampouco a Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais.

Neste ambiente, nem quem fornece nem quem pede o dado sabe a origem do pedido ou da resposta, mas as duas pontas têm a garantia de que a pergunta e a resposta vêm de fonte confiável e que ela não foi violada durante o tráfego, criptografado de ponta a ponta. Durante todo esse processo, nenhuma informação sensível da empresa ou do consumidor é armazenada ou processada.

Por meio desse Hub de Combate Coletivo à Fraude, em que participam empresas do ecossistema do eCommerce brasileiro, torna-se possível reduzir a abrangência de uma nova fraude com base na confirmação positiva de informações, melhorando a análise, manual ou automatizada, das transações eletrônicas.

"Trata-se de um conceito inovador e disruptivo que nos permite saber quando uma nova fraude está começando a se desenhar, possibilitando que as empresas iniciem um trabalho de prevenção com tempo suficiente para impedir sua disseminação", explica Rolim.

Depois de mais de um ano discutindo os conceitos, o modelo de compartilhamento de informações e as regras de negócio do Hub de Combate Coletivo à Fraude, o comitê Antifraude e Gestão de Riscos está iniciando os testes da versão beta da plataforma do OGF. A previsão é que até o início de junho a plataforma esteja no ar, em ambiente de produção.

Junto com a versão beta, o Observatore (observatore.org) colocou no ar um Site de Divulgação de Conhecimentos, contendo informações sobre segurança da informação e boas práticas de eCommerce. Neste ambiente, também foram tornadas disponíveis cartilhas de segurança mostrando a lojistas do e-commerce e aos consumidores quais são, como identificar e como se prevenir dos golpes mais frequentes. Além disso, o site traz conteúdo relevante e atualizado sobre segurança de dados.

O projeto já despertou interesse em outros países da América Latina. Em outubro de 2018, o OGF no maior evento de inovação em eCommerce da Câmara de Comércio Eletrônico do Chile (CCS – www.ccs.cl), o eCommerce Innovation Summit, em Santiago. Em abril de 2019, foi a vez de mostrar a iniciativa para o comitê de risco das companhias aéreas das Amércias (IATA – www.iata.org), no México.

comments powered by Disqus
Nossos
Selos
Clique Valide
BlackFridayLegal2017
Internet Segura
Detonaweb
Nossos Associados
Associe-se

Conheça as vantagens de ser nosso associado.

Câmara Brasileira de Comércio Eletrônico (camara-e.net) | CNPJ: 04.481.317/0001-48
Edifício Higienópolis Offices Tower - Av. Angélica, 2.503 – 5° andar, sala 56, 01227-200 – Consolação – São Paulo/SP
Contato: (11) 3237-1102 | E-mail: info@camara-e.net
Camaranet todos os direitos reservados - 2013